Jose Antonio Lourenço Jose Antonio Lourenço, A nossa reconciliação com Deus

A nossa reconciliação com Deus

Efeitos do Calvário (2ª parte)

O termo «Calvário» pode ter dois sentidos:

  • o sentido geográfico que é o lugar onde, há pouco mais de dois mil anos, Jesus Cristo foi crucificado e que se situa no médio oriente na cidade bíblica de Jerusalém;

  • e o sentido teológico, que significa a morte de Jesus Cristo na cruz do Calvário, para nos remir dos nossos pecados e a sua ressurreição ao 3o dia para nossa justificação.

Esta grandiosa obra divina produziu efeitos profundos na vida dos que crêem e seguem Jesus Cristo. Em Efeitos do Calvário analisámos o efeito «Perdão dos nossos pecados», os quais estavam arruinando a nossa vida e arrastando-nos para o inferno. Mas o sangue de Jesus Cristo derramado na Cruz do Calvário nos remiu de todos os nosso pecados e nos deu a salvação! Coisa maravilhosa!

Hoje, vamos analisar outro grande efeito do Calvário, que é: «A nossa reconciliação com Deus». Pelo Calvário fomos reconciliados com Deus! Analisemos o que se passou.

O que foi a reconciliação com Deus?

A Bíblia diz: «Porque se nós, quando éramos inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, muito mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida.» (Rom. 5:10)

Quando vivíamos nos nossos pecados, éramos inimigos de Deus, não tínhamos comunhão com ele, nem nenhum relacionamento com ele. Vivíamos de costas voltadas para Deus! A Bíblia diz que: «…​éramos filhos da ira…​». Estávamos a caminho para o juízo e perdição eterna! Deus estava muito ofendido connosco pela nossa vida pecaminosa e nós não tínhamos possibilidade de mudar e melhorar a nossa situação porque o diabo, usando os nossos pecados, nos escravizou e cada dia ficávamos mais longe de Deus e piores! Este foi um tempo terrível para cada um de nós - se a morte nos tem apanhado nesta altura, seria catastrófico, íamos para a perdição eterna!

Jesus Cristo preparou a nossa reconciliação com Deus, através da sua morte na cruz. A Bíblia diz: «Fomos reconciliados com Deus, pela morte do seu Filho». Os pecados, que eram a razão da nossa separação de Deus e a causa da inimizade, foram lavados pelo sangue precioso de Jesus Cristo e o mesmo Senhor maravilhoso nos reconciliou com o Pai, tornando-nos filhos de Deus!

A Bíblia diz: «Mas, a todos quantos o receberam, aos que crêem no seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus» (João 1:12).

Agora já não somos inimigos nem «…​filhos da ira…​», mas passamos para filhos da misericórdia, filhos de Deus, que nos ama, que cuida de nós e que até leva as nossas cargas! É profundo e maravilhoso demais, o conteúdo da reconciliação! Antes tínhamos medo de Deus e fugíamos dele, agora desejamos muito a comunhão com Deus e sentimos o seu amor.

A nossa reconciliação com Deus é um efeito grandioso do Calvário!

Todos nós precisamos passar da situação de inimigos e filhos da ira para a posição de filhos de Deus, de filhos da misericórdia. Isto só é possível através do Calvário e é uma mudança muito fácil de acontecer.

Se tu ainda não estás reconciliado com Deus através da morte do seu Filho, podes ser reconciliado dando os seguintes passos: Reconhece os teus pecados, humilha-te diante de Jesus Cristo, o Filho de Deus, crendo na sua morte na cruz e na sua ressurreição ao 3o dia, aceita o Senhor Jesus, pela fé, no teu coração e entrega a tua vida a ele. É ele que te vai perdoar e reconciliar-te com Deus e vai também tornar-te filho de Deus. Tudo vai mudar na tua vida. Só precisarás ser fiel até à morte.

Publicado em 2017-02-22

Próximo

Para Trás